Páginas

domingo, 19 de outubro de 2014

Fantasmogênese – Você já tirou uma foto de alguém que não estava lá?

Fantasmogênese é a produção ectoplasmática de um fantasma. O ectoplasma é descrito como um fenômeno natural mediúnico que produz uma substância etérea (semi-material) com a propriedade ou possibilidade de adensar-se até ficar ao alcance dos cinco sentidos humanos, tornando-se visível, tangível e, ainda, sob o influxo da vontade dos espíritos, moldável, assumindo a forma e algumas características de objetos ou seres orgânicos, inclusive corpos humanos completos. 

O pesquisador James Black teria pesquisado a química do ectoplasma chegando até mesmo a postular a fórmula molecular. Já o pesquisador Ernesto Bozzano, relata em seu livro “Pensamento e Vontade”, que a substância ectoplásmica já era bem conhecida pelos alquimistas do século XVII, como Paracelso, que a denominou Mysterium Magnum, e Thomas Vaughan, que a definiu por Matéria Prima. 

Também o polímata Emanuel Swedenborg, grande espiritualista do século XVIII, realizou experimentos com a substância sem empregar o termo ectoplasma, registrou sobre “uma espécie de vapor que lhe saía de todos os poros, um vapor d’água assaz visível, que descia até roçar no tapete… 

O criador do termo, C. Richet, Nobel de Fisiologia ou Medicina em 1913 por descobrir a anafilaxia (uma reação alérgica), dedicou-se a trabalhos com o intuito de descrever experiências sobre os fenômenos de materialização produzidos por Eva Carrière e alguns outros médiuns.

Eva Carrierre em uma seçao mediúnica


No final do século 19, Willian Hope um joalheiro de Crewe na Inglaterra, se juntou a mais seis amigos e criou o Círculo Espiritual de Crewe, uma sociedade secreta que se dedicava ao estudo de fotografias espirituais. 

Durante as primeiras décadas do século seguinte, o Círculo de Crewe produziu dezenas de fotos em que humanos de carne e osso se confundiam com entidades espirituais. 

O talento de Hope para capturar os espíritos em fotografias supostamente se deu por volta de 1905, quando ele e um amigo estavam se revezando em fotografar um ao outro. Em uma foto que foi tirada por Hope, houve um “extra” – a imagem de uma pessoa que não estava fisicamente presente quando a foto foi tirada, era a irmâ falecida do amigo em questão. 

No começo eles tiravam as fotos, mas queimavam os negativos para não serem acusados de bruxaria, mas quando o arcebispo Thomas Colley, entusiasta espírita se juntou ao grupo, seus estudos começaram a ser publicados. Algumas fotos tiradas pelo Circulo de Crewe:

As fotografias de fantasmas são consideradas por alguns pesquisadores dos fenômenos parapsíquicos e espirituais como uma fonte confiável de informação e contato com outras dimensões. Desde que devida e criteriosamente analisadas.

Fonte: Mundo Freak

Imagem de suposto caranguejo gigante em águas rasas de praia do Reino Unido causa repercussão na web

A cidade litorânea de Whistable, no Reino Unido, tem ganhado destaque mundialmente por conta de uma imagem. A foto mostra um suposto caranguejo gigante nas águas rasas do mar.

Apelidade de Crabzilla (Caranguejo com Godzilla), o suposto crustáceo teria ao menos 15 metros de largura. Ele foi visto no porto de Kent.

A fotografia logo ganhou destaque e foi compartilhada em diversas redes sociais. Apesar disso, muitos duvidam da veracidade dos fatos.

Diversos internautas sugerem que existe apenas um banco de areia no local, o qual tem um formato que lembra o de um grande caranguejo.

As maiores espécies desse tipo de crustáceo conhecidas são os caranguejos aranha japoneses. Eles chegam a medir até 3,6 metros de largura.

Eixo com rodas e pneus encontrado na superfície de Marte

JIPE TOPA COM UM FERRO-VELHO MARCIANO

Puxando o contraste apenas se confirma o que a imagem original revela: trata-se, obviamente, de uma estrutura rochosa com a improvável aparência de um eixo de veículo com duas rodas e pneus. Pausa para rir com mais este milagre da natureza cósmica, transmitido pelo jipe Curiosity em suas andanças off-road pela superfície do planeta Marte. A NASA não deu um pio sobre o ferro-velho.

Conheça as pessoas reais que inspiraram American Horror Story: Freak Show

O seriado de televisão American Horror Story sempre foi considerado um programa tenebrosamente criativo, mas sua temporada mais recente – com o título Freak Show – ganha intensidade por conta de sua forte conexão com a realidade. Nos episódios, vemos Elsa Mars e seus artistas usando as deformidades que a natureza lhes deu para ganhar a vida em um mundo onde o diferente é tratado como bizarro.

Por mais triste que seja admitir, no entanto, as atitudes cruéis retratadas em American Horror Story: Freak Show frequentemente se aproximam do que realmente aconteceu com os integrantes dos “shows de horrores” antigos. Muitos dos personagens com deformidades que vemos no programa foram inspirados por pessoas que realmente possuem aqueles defeitos – e alguns deles são até interpretados por atores com as mesmas características.

A seguir, você pode conferir algumas imagens de pessoas reais que foram usadas como base para a construção dos personagens da série:

Fred Wilson, o “garoto-lagosta”

Nascido nos estado norte-americano de Massachusetts em 1866, Wilson trabalhava como membro integrante e uma das principais atrações de um “show de horrores”. Ele era portador de uma condição chamada ectrodactilia, que fazia com que os afetados nascessem sem o dedo central nas mãos ou pés – que acabavam parecendo com as pinças de lagostas e caranguejos. Ele foi usado como inspiração para o personagem Jimmy Darling.
Blanche Dumas

Famosa cortesã parisiense, Dumas nasceu com uma terceira perna e genitália dupla como defeito de nascença, provavelmente resultante da fusão de dois embriões no útero de sua mãe. Embora não seja um personagem propriamente dito, ela inspirou a garota nua que aparece na sequência de créditos do seriado.

Annie Jones, a “mulher barbada”

Provável portadora de hirsutismo, aos cinco anos de idade Jones já possuía costeletas e um bigode completo. A garota foi sequestrada por um frenólogo – nome dado aos estudiosos da teoria de que a aparência de uma pessoa poderia demonstrar suas características mentais –, mas conseguiu escapar de seu sequestrador enquanto seus pais estavam no julgamento do sequestro. Em American Horror Story, a personagem Ethel Darling foi inspirada nela.
Minnie Woolsey – “Koo Koo, a garota-pássaro”

Afetada pela síndrome de Seckel, Woolsey sofria de uma condição que causou a ela alguns problemas mentais e a deixou careca e quase cega – motivo que a fazia usar os grandes óculos. Ela foi enviada para um asilo no estado norte-americano da Geórgia, onde permaneceu até ser liberada por um diretor de circo, que a acolheu e a incluiu em seus espetáculos. No seriado, ela inspirou a criação do personagem Meep, the Geek.
Eli Bowen, a “maravilha sem pernas”

Nascido em 1844 no estado norte-americano de Ohio, Bowen impressionava o público com seus giros, quedas e acrobacias, que realizava mesmo sem ter pernas. Portador de focomelia, doença genética coloquialmente conhecida como “membros de foca”, ele viveu até os 79 anos de idade. A garota do skate de American Horror Story foi inspirada nele.
Lucia Zarate, a “menor pessoa que já viveu”

Portadora de nanismo primordial microcefálico do tipo 2, Zarate nasceu em San Carlos, México, em 1890. Mesmo quando se tornou uma adulta completamente desenvolvida, ela manteve seu diminuto tamanho e pesava menos de 2 kg. No seriado, ela inspirou a criação da personagem Ma Petite.
Pip e Flip, as “gêmeas de Yucatan”

Causada por uma falha de desenvolvimento neurológico, a microcefalia fez com que Pip e Flip nascessem com crânios anormalmente pequenos. Elas apareceram pela primeira vez no filme Freaks, gravado por Tod Browning em 1932, em que ele mostrava pela primeira vez nas telas vários artistas secundários e atrações com diferentes condições físicas. Além de inspirar a criação do personagem Pepper, a produção de Browning recebe muitas referências no seriado.

Mille-Christine, o “rouxinol de duas cabeças”

As gêmeas siamesas nasceram na posição de escravas no estado norte-americano da Carolina do Norte, em 1851. Seus pais as deram para o diretor circense John Pervis em troca de US$ 1 mil, mas posteriormente elas foram sequestradas para exibição em outros shows e reuniões médicas. As personagens Bette & Dot Tattler foram baseadas nelas.

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Suposto alienígena morto teria sido recolhido por militares

et militares e1411697389894 Suposto alienígena morto teria sido recolhido por militares

2014 tem sido um ano bastante atribulado para quem acredita na possibilidade de vida em outros planetas ano. Isso é por causa dos inúmeros relatos de avistamentos de OVNIs que têm sido relatados.

No entanto, uma foto recente, está causando um furor excepcional. Como se vê na figura, existe o corpo de um ser alienígena que foi recolhido pelos militares.

Segundo o vídeo abaixo, o humanoide foi encontrado morto pela equipe no meio da floresta. Mas a história tem sido contestada por muitas pessoas, porque o lugar onde aconteceu o fato não foi mencionado.

Embora o vídeo no YouTube mostre os soldados em movimento com o corpo – a informação divulgada é que o militares tentaram a todo custo esconder a descoberta.

Mas o que impressiona é a nitidez com que o corpo do suposto ET é mostrado nas fotos. Algumas pessoas dizem que nunca tinham visto uma imagem tão bem definida no que diz respeito a esta questão.

domingo, 7 de setembro de 2014

MISTERIOS REAIS

Fantasmas existem? O que existe de paranormal em eventos estranhos? Ciência, autoriadades e religiões continuam a procura de respostas. Enquanto elas não chegam, descubra a seguir histórias de arrepiar. 

Na pequena cidade de Caiçara, Rio Grande do Sul, uma família sofre com um fato sem explicação: a casa onde moram é atingida com pedras de origem desconhecida. Além do barulho no telhado, a família ouvia socos nas paredes. Inexplicavelmente, algumas pedras iam parar dentro da casa, mesmo com todas as portas e janelas fechadas! 

A família ainda sofre com outro problema. A filha mais velha, de 15 anos, 'atrai' qualquer celular que fique perto dela. Eles se movem sem que ninguém se aproxime. Estranho, né? 

Um sanatório abandonado em Osaka, no Japão, também abriga várias histórias horripilantes. Além de barulhos estranhos, e marcas de sangue inexplicáveis, um documentarista conseguiu filmar o suposto fantasma de uma menina. 

Ainda no Japão, uma boneca abandonada pelos donos está assustando a população. Segundo algumas pessoas, ela se mexe e apresenta expressões faciais tristes. Coincidência ou não, o homem que fez as imagens da boneca, teria morrido logo depois num acidente de carro. 

Em Indiana, nos Estados Unidos, um bombeiro capturou imagens estranhas de uma casa em chamas. Uma figura sombria aparece numa das janelas. 

Na cidade de São Gonçalo dos Campos, na Bahia, todo mundo morre de medo de lobisomem. Algumas pessoas até conseguiram registrar imagens do que seria o bicho metade homem, metade lobo. Lá, ninguém anda na rua durante a noite.Vários sites na internet descobriram uma história incrível no México. 

Segundo moradores de uma pequena cidade, o dono de uma loja de vestidos de noiva mantém há 75 anos o corpo embalsamado da própria filha como manequim. A lenda ainda diz que durante a noite, a garota anda pela loja e troca de vestido. 

O chupa-cabra voltou? Até hoje ninguém o viu ainda, mas bodes e cabras com perfurações estranhas no pescoço continuam sendo encontrados mortos no interior do Alagoas. Na dúvida, a população da cidade fica alerta e prefere não sair durante a noite. 

Na cidade australiana de Adelaide, câmeras de segurança de um supermercado registram produtos sendo jogados ao chão durante a noite por uma suposta força sobrenatural. O local sempre teve fama de mal-assombrado. 

Não é a toa que Londres é considerada a cidade mais mal-assombrada da europa. Um pub é visitado todos os dias por um fantasma, mesmo quando o local está cheio de clientes. 

As pessoas ouvem barulhos estranhos, veem coisas caindo e máquinas sendo desligadas do nada. Mas para eles, o importante é a cerveja estar gelada. Em Londres, até a realeza sofre com os fantasmas. Essa imagem foi captada no antigo palácio onde morava a rainha da Inglaterra.

México: Boneca sinistra supostamente se mexe sozinha

Há muito tempo, um mistério tem atordoado grande parte da população da cidade de Xalapa, no México. Os rumores são de que a boneca da foto, na verdade, seja o espírito de uma menina que morreu atropelada por um motorista de táxi, brincando em frente à casa. 

Desde a morte da menina, o povo acredita que o espírito dela possuiu a boneca... Os moradores locais acreditam que a boneca foi enfeitiçada pelo espírito da criança. Para eles, ela fica na janela todos os dias, observando aqueles que passam em frente à casa por um motivo: ela estaria à espera do motorista por vingança! 

Algumas testemunhas juram ter visto a boneca, que é criada pela dona como se fosse a própria filha, mexendo a cabeça. Outros dizem ter visto ela sorrindo e cumprimentando certas pessoas que passavam pela calçada. 

Ela atrai muitos curiosos, mas muitas pessoas evitam passar em entre a casa... Lenda urbana ou não, existem muitos vizinhos que acreditam fortemente que ela não é uma simples boneca. "Boneca dos espíritos" e "boneca das almas" são alguns apelidos que as pessoas deram a boneca. 

A dona da casa diz que muitos carros param em frente da casa para tirar fotos dela. E afirma que a menina que morreu atropelada, ao contrário do que muitos dizem, não era sua filha! A boneca tem mais de 49 anos, e foi presente para sua primeira filha, mas hoje é a mãe quem cuida dela. 

Todos os dias, a boneca é vista na janela. Cada dia com uma roupa diferente! Com um olhar aterrorizante! O assunto virou manchete de jornais locais e também de emissoras de televisão. Em uma das matérias transmitidas, os vizinhos dizem acreditar na perturbante história. 

A mulher cuida da boneca, troca suas roupas, anda com ela pela casa e a deixa sempre arrumada. Mas, para a população, ela assusta e causa arrepios! Pela manhã, ela aparece na janela. E ao anoitecer, sua dona a tira do local.  

Fonte: R7

Pilotos presenciam fenômeno desconhecido sobre o Pacífico

"Havia um brilho verde sinistro cobrindo todo o hemisfério norte". "Achávamos que não havia nada abaixo de nós". Pilotos presenciam um estranho fenômeno sobre o Oceano Pacífico.

O piloto holandês JPC van Heijst explicou ao portal Pbase como ele e seu copiloto testemunharam ao evento "mais assustador" ao longo de sua experiência profissional. Como indicado pelo piloto, após cinco horas de voo vistos de longe, no Oceano Pacífico, um flash intenso que o projetado para os céus. "Parecia um relâmpago [...] Eu nunca vi nada como isso", disse ele.

Embora não houvesse tempestades elétricas, eles decidiram permanecer em estado de alerta para eventos climáticos que poderiam causar problemas. "Eu decidi tirar algumas fotos do céu noturno e o brilho verde sinistro que havia por todo o hemisfério norte", diz o piloto, acrescentando que após cerca de 20 minutos mais tarde percebeu a presença diante de si de um brilho vermelho-alaranjado profundo . "Isso foi um pouco estranho, pois supúnhamos que não havia nada além de um oceano infinito abaixo de nós", diz ele.
"Quanto mais perto chegávamos, mais intenso o brilho, iluminando as nuvens e o céu com vermelho aterrorizante", descreveu van Heijst, reconhecendo que o pior era que o aeroporto mais próximo ficava a duas horas de voo e que a ideia de estar voando sobre uma coluna perigosa não era nada agradável.

Embora ainda não tenha sido identificada a sua origem, acredita-se que esses flashes pode ter se originado da explosão de um enorme vulcão sob a superfície do oceano. "Nós apresentamos nossas conclusões ao Controle de Tráfego Aéreo que abriu uma investigação sobre o que aconteceu", acrescentou.
"Agora só espero que se houver uma nova ilha formada [por uma erupção], pelo menos, que a batizem com o meu nome como o descobridor oficial" conclui sarcasticamente o piloto.

Fonte: Sede Insana

Misteriosas luzes são avistadas na Malásia

Luzes se movendo pelo céu foram vistas em Putatan, Malásia

Meteorologistas estão aturdidos com relatos de quem viu o fenômeno.

Luzes se movendo pelo céu foram vistas em Putatan, Malásia, na terça-feira por volta das 21h30. Os relatos de quem as avistou estão deixando aturdidos meteorologistas, policiais, bombeiros e controladores de tráfego aéreo.

Foram feitos relatos nas mídias sociais sobre as luzes no formato vertical que, para a polícia e o corpo de bombeiros da capital Sabah, eram novidade.

Abdul Malek Tussin, diretor do Departamento Meteorológico de Sabah, disse que nenhum depoimento sobre o fenômeno foi registrado até agora pelo seu departamento.  Ele acha que as luzes, como descritas, poderiam ser um fenômeno natural, ou reflexos de outras fontes. Mas adicionou que iria investigar o caso.

Fora as suposições de uma possível invasão alienígena, alguns comentários nas redes sociais atribuíram as luzes a lanternas ou tochas do terminal da refinaria de óleo Sabah Oil and Gas, em Kimanis, ao longo da costa oeste.  O fenômeno, trazido por condições climáticas, tem aparecido no passado na costa oeste.

Fonte: Band

Cratera misteriosa no fundo de lagoa intriga agricultores nos EUA

Uma cratera surgiu repentinamente no fundo de uma lagoa em Circleville, região rural de Utah, nos EUA. A água da lagoa é utilizada para alimentar sistemas de irrigação de plantações. O buraco circular dentro da água deixou agricultores e especialistas perplexos, sem explicações definitivas para a origem do fenômeno.

O agricultor Gary Dalton descobriu a cratera quando a água da lagoa estava baixa, em fase final de drenagem. Ele conta, em reportagem ao site americano Deseret News, que notou círculos concêntricos no leito do lago. Segundo Dalton, o círculo da borda da formação alcançava cerca de 25 metros de diâmetro.

A cratera, que pode ser observada em fotos aéreas, é rodeada por algas e possui uma pequena cavidade em seu centro, formando algo que lembra a boca de um vulcão.

Especialistas do serviço geológico de Utah que examinaram o local levantaram uma série de hipóteses para explicar o fenômeno. Inicialmente, cogitaram que a cratera poderia ter sido causada por uma nascente de água ou por gás natural formado pela decomposição de material orgânico no subsolo. As hipóteses foram afastadas após se constatar que nenhuma delas seria possível no local.

Familiares de Gary Dalton também criaram suas próprias teorias, cogitando, por exemplo, que a cratera teria sido aberta pela queda de um meteoro.

Na análise feita pelos técnicos, constatou-se que a cavidade central da cratera estava praticamente fechada, com profundidade entre 17 e 50 cm. Para o geólogo Bill Lund, a cratera entrou em colapso, fechando a abertura central.

A hipótese mais provável levantada pelos especialistas é de que o peso da água sobre a lagoa, que foi drenada e reabastecida mais de uma dúzia de vezes nos últimos dois anos, compactou ar e água sob o solo, que erodiu em forma de uma pequena erupção. "O peso da água forçou a saída de ar e um pouco de água presa sob o solo, criando essa coisa", diz Lund.

Fonte: UOL